Salto

guabi620

consulta ID3

App CBH

Audácia: o nome da égua não poderia ser mais adequado. Afinal, o que não faltou foi audácia ao jovem talento carioca Luiz Francisco de Azevedo, o Chiquinho, que galopou como um jockey em uma raia do Prado para a delicada vertical final, do desempate do Mini Grande Prêmio Guaraná Antártica, na tarde deste sábado, 19/11, durante o Concurso de Saltos Nacional nos 73º Aniversário da Sociedade Hípica Brasileira, no Rio de Janeiro.

 

Luiz Francisco, o Chiquinho, fez jus às cores do clã Azevedo no desempate do mini GP Guaraná Antartica nos 73 anos da Sociedade Hípica Brasileira; foto: Beatriz Cunha



O resultado foi que, no dorso de Audácia Santa Cecília, Chiquinho conseguiu marcar quase um segundo menos, 38s90, do já ótimo tempo do mineiro Sérgio Marins, que vinha na frente com Quinny Van Het, 39s47. Em 3º, em mais uma excelente participação, outra representante de Minas Gerais, Vitoria Rabello Nolli com sua Land Insbruck.

Os melhores Saltos dos Amadores

Pela manhã, na categoria dos amadores, o carioca Felipe Pessoa e seu eficiente Doris Van de Koekoek ML foram mais uma vez rápidos e limpos no desempate da segunda prova da categoria Amadores. Mas, na contagem geral dos pontos, quem vira na liderança parcial do torneio é a amazona Flávia Mendonça, com seu Best Choice Warlood.  A decisão  é neste domingo.

Na prova de sábado dos amadores  quem chegou em segundo foi  Manuela Mendes Gonçalves Motta e Sl Space II seguida de João Roberto Marinho e Liquid, Flavia Mendonça, Anna Luiza Araújo Pinho/Tabelle e Gilberto Solanes Jr/Ás do Jato.

Entre os amadores Top, dos quatro conjuntos que se classificaram para o desempate, o mais rápido foi Gustavo Padrilha e Long Neck, sem faltas. Em segundo, também com pista limpa, Beatriz Lara Resende e Orlane de Panloup. Krisia Galvão e Pedro Figueira de Melo cometeram uma falta e ficaram com as terceira quarta posição respectivamente. Daniel Maia e Triton, do Rio , venceram  na categoria Jovem Cavaleiro TOP e Henrique Tielas Moreira com Ze Is Mooi, por São Paulo, chegaram na frente entre os  Pré-Juniores.

GP Embratel Troféu Roberto Marinho ao vivo no Sportv

O encerramento do Concurso de Saltos Nacional e ponto alto do evento será neste domingo, a partir das 14 horas, quando os melhores cavaleiros do Brasil entram novamente na pista Roberto Marinho. Desta vez, para disputar o Trofeu que leva seu nome, os R$ 50 mil em prêmios que serão distribuídos entre os 25% mais bem colocados e melhorar ainda mais suas classificações no Ranking da Confederação Brasileira de Hipismo (CBH) de 2011.

O Troféu Perpétuo Roberto Marinho foi instituído em 1988, quando a Hípica completou 50 anos. O primero cavaleiro a ter a honra de inscrever o nome no prêmio foi o jovem carioca Fabio Leivas da Costa, então com 20 anos. E, nesse domingo, 23 anos depois, ele entra na pista para tentar ganhar novamente. Agora, briga  com Vitor Alves Teixeira e Rodrigo Ulmann Lima, os únicos que, assim como ele,  podem se tornar tricampeões do troféu.
 
Todas as provas são abertas ao público e com entrada franca. O GP Embratel terá transmissão ao vivo pelo Sportv, domingo, a partir das 14h00.


Aguarde galeria de fotos.

Com a fonte: CPC Comunicação - Christiane Paiva Chaves; fotos: Beatriz Cunha
 

    novo logo cob 75                              52486598 2004012323016475 4886399187605782528 n              seloLeiIncentivoVertical 72

CBH - Site Oficial da Confederação Brasileira de Hipismo -
Rua Sete de Setembro, 81 - Ed. Moscoso Castro, 3º andar - CEP: 20050-005 Rio de Janeiro (RJ) - Tel: (21) 2277-9150

Horário de Funcionamento: 08:00 às 17:00 hrs - Seg. à Sex.

© Copyright 2010 - 2017 | Todos os direitos reservados | Produzido por  Magoo Digital