guabi620

guabi180

App CBH

O Winter Equestrian Festival (WEF) 2016 no Palm Beach International Equestrian Center já está em pleno andamento e esse ano a maior e mais longa competição do hipismo mundial vai até 3 de abril, com U$ 9 milhões em premiação. Para o medalhista olímpico brasileiro Doda Miranda, a primeira semana não poderia começado melhor. Nessa quinta-feira, 14/1, Doda levou AD Nouvelle Europe Z à vitória no Ruby et Violette WEF Challenge Cup, sem faltas no desempate em 35s262. 

Dos 48 concorrentes, 12 zeraram a primeira passagem idealizada pelo course-designer norte-americano Eric Hasbrouck. A 2ª colocação ficou com a norte-americana Laura Kraut apresentando Stars and Stripes, seguida por Filipe de Wandel Gentley, pela Bélgica, ambos sem faltas, em 36s073 e 36s221. 

Doda Nouvelle

Doda e AD Nouvelle Europe Z largam com vitória no Winter Equestrian Festival ; img: Sportfot / divulgação

 

Doda monta AD Novelle Europe Z, de 12 anos, desde 2014 e está satisfeito com o desempenho dela que teve sua última competição em Doha em novembro, antes de chegar a Wellington no final de 2015. "Estou muito orgulhoso dela hoje. Ela é uma égua muito competitiva que dá o melhor de si para o cavaleiro e é muito rápida", comentou Doda. "Ela saltou tão bem que meu treinador George Morris me aconselhou a não entrar no GP desse domingo e guardá-la para a competição da FEI na segunda semana." 

Morris que vem treinando Doda e sua esposa Athina desde 2013 recém assumiu o cargo de treinador da equipe brasileira de Salto rumo aos Jogos Rio 2016, uma decisão que agradou o brasileiro. "Estou muito feliz em poder trabalhar com George e ter essa oportunidade. Ele é um ícone que sabe muito sobre os cavalos, o que também dá muita confiança. Quando ele treina você, acreditamos que podemos fazer tudo." 

Além de sua fatia na premiação de U$ 35 mil, Doda também ganhou o bonus de U$ 3 mil, dados ao vencedor da séries de desafios semanais WEF, que usa luvas SSG. A primeira semana do WEF segue nesse sexta-feira, 15, com destaque para o Illustrated Properties 1.40m Speed Challenge r Triple Crown Adult Amateur 36-49 Hunters. No sábado, 17/1, o ponto alto é o Battle of the Sexes e no domingo, 18, o GP Rosenbaum Mollengarden, ambos com U$ 75 mil em premiação. Para assistir ao vivo, clique aqui. 

Resultados completos - clique aqui. 

 

 

 

Com a fonte: Equestrian Sport Production News e fotos:  © Sportfot

Quem são os melhores atletas brasileiros de 2015? O Comitê Olímpico do Brasil (COB) anunciou nesta terça-feira, 24/11, os melhores atletas de 2015 em cada uma das 49 modalidades e os seis atletas mais votados pelo colégio eleitoral do Prêmio Brasil Olímpico 2015 que serão homenageados durante o Prêmio Brasil Olímpico que acontece dia 15 de dezembro de 2015, no Teatro Bradesco, no Village Mall, no Rio. O evento também fará uma homenagem especial aos medalhistas brasileiros nos Jogos Pan-americanos Toronto 2015, realizados em julho.

No hipismo os eleitos são: João Victor Macari Oliva no Adestramento, Ruy Fonseca no Concurso Completo de Equitação e Pedro Veniss no Salto. João, 19, foi o mais jovem integrante do time medalha de bronze de Adestramento no Pan 2015. Ruy, 42, integrou a equipe medalha de prata e ainda faturou bronze individual no Pan 2015. Já Pedro, 32, integrou o Time Brasil quarto colocado no Pan e foi o melhor individual na 5ª colocação. Pedro venceu pela primeira vez, João pela segunda vez consecutiva 2015/2014 e Ruy recebe prêmio pela terceira vez 2015/2012/2010.

montagem premio650

Pedro Veniss, João Victor Oliva e Ruy Fonseca em cliques oficiais do COB nos Jogos Pan-americanos Toronto 2015

O seis atletas mais votados pelo colégio eleitoral do Prêmio Brasil Olímpico 2015 são Ágatha e Bárbara (vôlei de praia), Ana Marcela Cunha (maratona aquática) e Fabiana Murer (atletismo), no feminino; e Alison e Bruno (vôlei de praia), Isaquias Queiroz (canoagem) e Marcelo Melo (tênis), no masculino. Os vencedores do troféu de Melhor Atleta do Ano serão anunciados durante a cerimônia do Prêmio Brasil Olímpico, no Teatro Bradesco, no Rio de Janeiro, no dia 15 de dezembro. Em 2014, os eleitos foram Arthur Zanetti (ginástica artística) e a dupla Martine Grael e Kahena Kunze (vela).

A escolha dos melhores em cada modalidade, assim como a definição dos dois atletas (ou duplas) que receberão o Troféu Melhor Atleta do Ano, foi realizada por um júri composto por jornalistas, dirigentes, ex-atletas e personalidades do esporte.

Oscar do esporte brasileiro, o Prêmio Brasil Olímpico 2015 chega à sua 17ª edição prestando homenagens ainda em outras categorias: Melhor Técnico Individual e Coletivo: Troféu Adhemar Ferreira da Silva; Melhores Atletas nos Jogos Escolares da Juventude, entre outras premiações.

Os vencedores do hipismo ao longo das 17 edições

2015
Salto Pedro Veniss
CCE Ruy Leme da Fonseca
Adestramento João Victor Oliva

2014
Salto Doda Miranda
CCE Marcio Jorge
Adestramento João Victor Oliva


2013
Salto Doda Miranda
CCE Marcelo Tosi
Adestramento Luiza Almeida


2012
Salto Doda Miranda
CCE Ruy Leme da Fonseca
Adestramento Luiza Almeida

2011

Salto Bernardo Resende Alves
CCE Serguei (Guega) Fofanoff
Adestramento Luiza Tavares de Almeida

2010

Salto Rodrigo Pessoa
CCE Ruy Leme da Fonseca
Adestramento Luiza Tavares de Almeida


2009

Salto Rodrigo Pessoa
CCE Serguei (Guega) Fonanoff
Adestramento Luiza Tavares de Almeida

2008

Salto Camila Mazza de Benedicto
CCE André Paro
Adestramento Rogério Silva Clementino

2007

Salto César Almeida
CCE André Paro
Adestramento Renata Rabello


2006

Salto Rodrigo Pessoa
CCE Fabrício Reis Salgado
Adestramento Pia Aragão

2005

Salto Rodrigo Pessoa
CCE Raul Bernardo Nelson de Senna Neto
Adestramento Pia Aragão

2004

Salto Rodrigo Pessoa
CCE Raul Bernardo Nelson de Senna Neto
Adestramento Pia Aragão

2003

Salto Doda Miranda
CCE Raul Bernardo Nelson de Senna Neto
Adestramento Pia Aragão

2002

Salto Karina Johannpeter
CCE Vicente Araújo
Adestramento Isabela Renaut Travassos


2001

Salto Bernardo Rezende Alves
CCE Marcelo Tosi
Adestramento Micheline Schulze


2000

Salto Rodrigo Pessoa
CCE Vicente Araújo Neto
Adestramento Jorge Ferreira da Rocha

1999

Salto Rodrigo Pessoa
CCE Artemus de Almeida
Adestramento Micheline Schulze


Os Melhores de 2015 em cada modalidade:

Atletismo – Fabiana Murer
Badminton – Lohaynny Vicente
Basquete - Leandro Barbosa
Boliche - Marcelo Suartz
Boxe - Robson Conceição
Canoagem Slalom - Ana Satila Vargas
Canoagem Velocidade - Isaquias Queiroz
Ciclismo BMX - Renato Rezende
Ciclismo Estrada - Flavia Paparella
Ciclismo Mountain Bike - Henrique Avancini
Ciclismo Pista - Kacio Freitas
Desportos na Neve - Michel Macedo
Desportos no Gelo - Edson Bindilatti
Esgrima - Renzo Agresta
Esqui Aquático - Marcelo Giardi
Futebol - Lucas Lima
Ginástica Artística - Arthur Zanetti
Ginástica de Trampolim - Camilla Gomes
Ginástica Rítmica - Natália Gáudio
Golfe - Lucas Yu Shin Lee
Handebol - Ana Paula Rodrigues
Hipismo Adestramento - João Victor Oliva
Hipismo CCE - Ruy Leme
Hipismo Saltos - Pedro Veniss
Hóquei sobre Grama - André Luiz Couto
Judô - Érika Miranda
Karatê - Valéria Kumizaki
Levantamento de Peso - Fernando Reis
Lutas - Aline Ferreira da Silva
Maratona Aquática - Ana Marcela Cunha
Natação - Thiago Pereira
Nado Sincronizado - Luisa Nunes Borges e Maria Eduarda Miccuci
Patinação Artística - Marcel Stürmer
Pentatlo Moderno - Yane Marques
Polo Aquático - Felipe Perrone
Remo - Fabiana Beltrame
Rugby - Paula Ishibashi
Saltos Ornamentais - Giovanna Pedroso e Ingrid de Oliveira
Softbol - Martha Murazawa
Squash - Giovanna Veiga de Almeida
Taekwondo - Iris Silva Tang Sing
Tênis - Marcelo Melo
Tênis de Mesa - Hugo Calderano
Tiro com Arco - Marcus Vinicius D’Almeida
Tiro Esportivo - Cassio Rippel
Triatlo - Manoel Messias
Vela - Martine Grael e Kahena Kunze
Vôlei de Praia - Alison Cerutti e Bruno Schmidt
Voleibol - Sérgio Dutra dos Santos

Os Melhores do Ano em todas as edições do Prêmio Brasil Olímpico:

1999 – Maurren Maggi (atletismo) e Gustavo Kuerten (tênis)
2000 – Leila Barros (vôlei) e Gustavo Kuerten (tênis)
2001 – Daniele Hypolito (ginástica artística) e Robert Scheidt (vela)
2002 - Daniele Hypolito (ginástica artística) e Nalbert (vôlei)
2003 – Daiane dos Santos (ginástica artística) e Fernando Meligeni (tênis)
2004 - Daiane dos Santos (ginástica artística) e Vanderlei Cordeiro de Lima (atletismo)
2005 – Natália Falavigna (taekwondo) e João Derly (judô)
2006 – Laís Souza (ginástica artística) e Giba (vôlei)
2007 – Jade Barbosa (ginástica artística) e Thiago Pereira (natação)
2008 – Maurren Maggi (atletismo) e Cesar Cielo (natação)
2009 – Sarah Menezes (judô) e Cesar Cielo (natação)
2010 – Fabiana Murer (atletismo) e Murilo Endres (vôlei)
2011 - Fabiana Murer (atletismo) e Cesar Cielo (natação)
2012 – Sheilla Castro (vôlei) e Arthur Zanetti (ginástica)
2013 – Poliana Okimoto (maratona aquática) e Jorge Zarif (vela)
2014 - Martine Grael e Kahena Kunze (vela) e Arthur Zanetti (ginástica artística)


CBH com a fonte: COB

No final da noite do sábabo, 21/11, no Internacional de Saltos 5* German Masters em Stuttgart, na Alemanha, deu Brasil no placar com Pedro Veniss. Montando Anaya Ste Hermelle, Pedro venceu a prova de valores, a 1.45 metro, totalizando 60 pontos, em 45s36.

pedro stuttgart2 550

Pedro e Anaya Ste Hermelle no galope da vitória; img: reprodução facebook oficial

A 2ª colocação foi do britânico John Whitaker apresentando Argentino, 60 pontos, em 45s58. Enquanto o 3º posto ficou com o top alemão Daniel Deusser no dorso de Hildago, 60 pontos, 46s09. Foram 23 os conjuntos em pista.

Já no GP Longines World Cup Qualifier, a 1.60 metro, que encerrou a competição nesse domingo, 22/11, Pedro se apresentou com Quabri d Isle, conjunto 5º colocado no Pan 2015, fechando com apenas uma falta na 1ª volta na 12ª colocação. O alemão Christian Almann com Codex foi o grande campeão, sem faltas no desempate,em 49s78.

Pedro, grande destaque no Longines Indoor na Hípica Paulista em outubro de 2015, é o atual 2º melhor brasileiro no Ranking de Federação Equestre Internacional na Pedro 56ª colocação.

Com a fonte: SHP 

               novo logo cob 75                              ministerioesp227 2017              seloLeiIncentivoVertical 72

CBH - Site Oficial da Confederação Brasileira de Hipismo
Rua Sete de Setembro, 81 - Ed. Moscoso Castro, 3º andar - CEP: 20050-005 Rio de Janeiro (RJ) - Tel: (21) 2277-9150 / Fax: (21) 2277-9165

© Copyright 2010 - 2017   |   Todos os direitos reservados   |   Produzido por Magoo Digital