Tambor

guabi620

guabi180

App CBH

A modalidade de Três Tambores tem sua origem nos Estados Unidos e foi introduzida no Brasil no início da década 70, período da vinda do Cavalo Quarto de Milha para o Brasil.

Nessa época começaram os primeiros campeonatos na região de Presidente Prudente e Bauru no estado de São Paulo que difundiram a modalidade.

A modalidade de Três Tambores é uma prova de habilidade e velocidade, em que o conjunto cavalo e cavaleiro realiza um percurso determinado contornando três tambores dispostos de forma triangular no menor tempo.

Foto CBH 1

São muitas as amazonas que disputam a modalidade

Com diversas categorias a modalidade de Três Tambores possibilita a participação de crianças, jovens, adultos, profissionais e amadores. As categorias são divididas por grupo de idade dos competidores que vai dos seis anos até competidores Master com mais de 50 anos.

foto cbh 2

Velocidade é decisiva

O esporte de Três Tambores está cada vez mais presente nas festas de peão (rodeios), feiras agropecuárias e eventos promovidos por diversas associações de raças equinas, com destaque para a Raça Quarto de Milha, Paint Horse e Appaloosa, sendo apreciado pelos espectadores e conquistando mais adeptos e fãs.

Com provas atrativas e campeonatos organizados, as competições de Três Tambores distribuem premiações vultosas com valores que chegam até meio milhão de reais, com mais de três mil inscrições em um único evento.

foto cbh 3

NBHA of Brazill 

A NBHA Brasil entidade filiada a NBHA – National Barrel Horse Association , com sede nos EUA, promove diversos eventos de Três Tambores no Brasil, classificando alguns conjuntos para provas Internacionais como: Pan-americano, Mundialito e Campeonato Mundial de Três Tambores, além de um evento internacional na China.

foto cbh 4

Premiação no Brasil pode chegar a 500 mil reais em um único evento

A NBHA Brasil tem 14 distritos filiados espalhados pelo Brasil - Amazonas, Acre, Pará, Tocantins, Ceará, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Maranhão, Bahia, Alagoas, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Goiás - todos com foco no desenvolvimento e fomento da modalidade.

Com o reconhecimento da CBH em 2015, que criou uma diretoria especifica de Três Tambores, a modalidade inicia a busca pelo reconhecimento pela FEI - Federação Equestre Internacional.

Órgão máximo do esporte nacional, a Confederação Brasileira de Hipismo (CBH) é responsável pela regulamentação, coordenação, promoção e fomento de 8 (oito) dos esportes hípicos praticados no País: Salto, Adestramento, Atrelagem, Concurso Completo de Equitação, Enduro, Adestramento Paraequestre, Rédeas e Volteio. 

Respondendo por essas modalidades junto a FEI – Federação Equestre Internacional e aos órgãos governamentais, a CBH é responsável, ainda, pela formação das equipes brasileiras que representam o País em competições internacionais, pela realização de campeonatos, seletivas e cursos, e pela chancela de eventos promovidos por federações estaduais.

               novo logo cob 75                              ministerioesp227 2017              seloLeiIncentivoVertical 72

CBH - Site Oficial da Confederação Brasileira de Hipismo
Rua Sete de Setembro, 81 - Ed. Moscoso Castro, 3º andar - CEP: 20050-005 Rio de Janeiro (RJ) - Tel: (21) 2277-9150 / Fax: (21) 2277-9165

© Copyright 2010 - 2017   |   Todos os direitos reservados   |   Produzido por Magoo Digital