vanessa620

Vanessa Quintiliano

App CBH

No final de semana, em 18 e 19/6, a primeira edição do Campeonato Olímpicos do Amanhã de CCE - Concurso Completo de Equitação movimentou o Centro Hípico Guega, em Ribeirão Preto, um dos principais polos hípicos no interior paulista. Lembrando que o CCE é considerado o triatlo equestre com provas de Adestramento, Cross e Salto. 

Frente ao Centro de Treinamento e Escola está Guega Fofanoff, o Guega, cavaleiro que mais vezes representou o Brasil em competições internacionais, acumulando participações em quatro Olimpíadas (Barcelona/92, Atlanta/96, Sydney/2000 e Londres 2012), três Jogos Equestres Mundiais (Suécia/90, Holanda/94 e Estados Unidos/2010) e quatro Jogos Pan-Americanos (Mar Del Plata/95, Winnipeg/99, Rio de Janeiro/2007 e Guadalajara/2011).Foi homenageado pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB) com o “Prêmio Brasil Olímpico” em 2009 e 2011. Entre os inúmeros títulos conquistados em sua carreira, Guega é nove vezes campeão brasileiro (1989/91/93/97/2003/2008/2009/2010 e 2011), bicampeão sul-americano por equipes (1991/2014), e medalha de ouro(1995) e prata (1999) e bronze (2011), todas por equipes, nos Jogos Pan-Americanos.

guadalajara650

O super cavaleiro Guega Fofanoff com seu filho na conquista da medalha de bronze por equipes no Pan 2011 e Guadalajara 

A ideia do projeto Olímpicos do Amanhã é o fomento à base do esporte e disso Guega, que ao lado de sua esposa Renata, está frente ao seu próprio Centro Hípico desde 1997, entende, uma vez que além da formação de cavaleiros e amazonas, o local realiza um concorrido ranking de Salto há nada menos que 17 anos.   

Estiveram em pista no último final de semana nada menos 68 conjuntos. Parte deles disputou somente uma prova de Adestramento, outros fizeram Adestramento e o Cross e ainda teve uma gincana de pôneis para os pequenos futuros campeões. Tampouco faltou uma apresentação de Volteio, nova atividade no local, introduzada há cerca de três meses. 

reconhecimento pista650

Hora do reconhecimento de pista 

Ninguém melhor que o próprio casal Guega e Renata para falar sobre Olímpicos do Amanhã e atividades no Centro Hípico Guega.   

O resultado do Campeonato de CCE “ Olímpicos do amanhã” superou as expectativas?

Foi um desafio. Nossa missão com o Projeto "Olímpicos do Amanhã" é a de contribuir para o fomento da modalidade, criando condições para a entrada de novos cavaleiros e amazonas. Questões técnicas foram adaptadas, interesses específicos atendidos e subsídio financeiro foi dado para que o acesso fosse o mais fácil possível aos participantes.  Ficamos muito satisfeitos com o resultado dessa primeira etapa. Do total de inscritos, 53% estrearam no CCE nesta prova.

O CCE é uma modalidade muito nova no Brasil, acreditamos no potencial a ser explorado. Na Inglaterra, por exemplo, onde é muito popular, uma das competições mais tradicionais - Badminton Horse Trials - reúne público de 350 mil pessoas, segundo maior público do mundo em evento esportivo perdendo só para as 500 milhas de Indianápolis.

Como nasceu a ideia do evento? 

A iniciativa foi da Confederação Brasileira de Hipismo através do Presidente Luiz Roberto Giugni, Rafael Christianini e da diretora de CCE, Paula Perracini. O Centro Hípico Guega  foi convidado a organizar o Campeonato em função do know-how adquirido nas provas de salto. Nosso Ranking existe desde 1999 e hoje é bem consolidado na região. Reúne cerca de 200 conjuntos em cada uma das 8 etapas do ano.

geracao futuro650

Geração futuro em pista 

 

Quais foram as categorias, diferentes provas e níveis? 

O Campeonato Olímpicos do Amanhã  será dividido em quatro etapas em 2016 sendo as duas primeiras no Centro Hípico Guega , a terceira no Centro Hípico Diamante, que gentilmente nos recebeu abrindo um novo espaço para realização de provas de CCE e a etapa final no Haras Horse Cross em Barretos.  Está prevista também para a última etapa do campeonato uma prova em equipes, composta pelos integrantes das categorias de base com cavaleiros olímpicos do Time Brasil. Estabelecemos quatro categorias: base, iniciantes, avançados e nível 1, também com subdivisão para cavalos novos.

Por favor comente sobre a gincana dos pôneis. Também teve outras atividades?

Reunimos, no final de semana, quatro modalidades equestres. Adestramento puro, CCE, salto e uma apresentação de volteio. A gincana dos pôneis faz parte do nosso projeto de equitação lúdica. É sempre temática o que desperta ainda mais o interesse das crianças. O tema dessa vez foi "festa junina" ..e os pequenos vieram a caráter.

confraternizacao junina

Não faltou, é claro, a confraternização Junina, uma tradição na casa 

 

O Centro Hípico Guega é um dos principais polos hípicos no interior paulista. Como funciona no dia a dia?

Somos uma Escola de Equitação. É desta forma que iniciantes são recebidos no primeiro momento. Ensinamos a montar a cavalo e mais tarde fazer a opção de qual modalidade seguir. Dentre as modalidades praticadas estão o adestramento, Salto, a completa - CCE e recentemente introduzimos o volteio.

mini cross650

O percurso de mini cross marcou a estreia de diversos cavaleiros olímpicos do amanhã

Por favor mencionem alguns cavaleiros formados no Centro Hípico Guega que são destaque no meio hípico.  

Sem dúvida os maiores destaques são Gabriel Cury - premiado cavaleiro do salto que hoje integra a equipe brasileira de CCE e é um dos principais cavaleiros da modalidade. Compete atualmente na Inglaterra, sob orientação do Neo Zelandês Mark Todd, técnico da nossa seleção para as Olimpíadas Rio 2016.

Rodrigo Marchezzi, atual cavaleiro do Haras Agromen - maior criador de cavalos de hipismo da América latina. Aos 18 anos, tem inúmeros títulos Paulista, Brasileiro e Sul Americano. Ambos começaram conosco ainda crianças e depois seguiram seus caminhos. Contarão sempre com nossa maior torcida.

Hoje podemos destacar Humberto de Souza Pereira Lima, que começa a demonstrar um grande potencial nas competições. É uma das nossas promessas. Integra a equipe brasileira de base de CCE. Importante ressaltar nesse item, o papel fundamental na revelação de novos talentos que certamente virão através do Campeonato "Olímpicos do Amanhã".

Vocês têm filhos em atividade no esporte ?  

Sim, os quatro montam. Arthur, 16 anos, que depois de uma temporada no salto retornou ao CCE nesse evento. Enrico, 7 anos,  estreou nas provas também neste fim de semana e nos encheu de orgulho. Valentina, 5 anos, é pura dedicação nas aulas, mas não compete porque "dá dor nos órgãos"(foi a maneira que um amigo encontrou de explicar aquele frio na barriga rs..) e Giovana, 4 anos, monta a Estrela, uma piquira muito especial.

guega01 550

Guega, ídolo em família, da atual geração do hipismo e dos olímpicos do amanhã

 

Gostaria de mencionar algo em especial? 

Agradecimentos especiais à CBH que nos confiou esse trabalho, aos nossos instrutores e toda equipe de colaboradores, Julie Purgly e Laura Rosseti que julgaram as provas de adestramento, Ruy Leme da Fonseca no cross (e em vários outros momentos), Mônica e Antônio como stewards e uma tropa de mães, pais e meninos que vibraram conosco e nos ajudaram o tempo todo.

premiacao650

 

Agenda

2ª etapa - 30 e 31/7 - Centro Hípico Guega
3ª Etapa - 25/9 - Centro Hípico Diamante
4ª Etapa – 18 a 20/11 - Haras Horse Cross Barretos (juntamente com o Campeonato Brasileiro de CCE)

 

Fonte: CBH - C.May; fotos: cedidas e reprodução facebook

 

 

                                             ministerioesp227               seloLeiIncentivoVertical 72

CBH - Site Oficial da Confederação Brasileira de Hipismo
Rua Sete de Setembro, 81 - Ed. Moscoso Castro, 3º andar - CEP: 20050-005 Rio de Janeiro (RJ) - Tel: (21) 2277-9150 / Fax: (21) 2277-9165